Páginas

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

#AESPINHAQUENÃOCOOPERA

          Bom diaaaa, meus amoressssssss!!!!!

    Como vai a vida de vocês? (Já vi vocês pensando: ela não vai porque não anda. Eu pensei assim.. mas escrevi do mesmo jeito, rsrs). Então, hoje eu vim falar sobre uma coisa que me irrita muito, a vocês e ao zubumafu (zoas haha, mas vai que né.. Quem sabe? Irrita todo mundo, por que não a ele? kkk) : " A sina da espinha gigante naquele dia especial e no meio do seu rosto".



     Um saco, né? Ou só eu sinto a angustia que esse ser especial fornece? Acho que não. Parece que ela tem vida própria e é rebelde, pois aparece nos momentos que quer (errados, no caso), desaparece quando quer e se for sentimental deixa marcas...é para quebrar qualquer um.




    Além, é claro, da sacanagem que ela pode nos trazer: ser verde ou não. Porque, meus amigos, tem umas que dão dó. E, parece acaso do destino, elas sempre aparecem em lugares que não deveriam, vocês já notaram? Tipo, em cima do seu lábio superior, bem em cima da sua sobrancelha ou abaixo dela, no meio da sua testa, ou do lado esquerdo da sua bochecha. Tenho convicção que essas pensam: "Se é para aparecer, vamos chamar bem muita atenção", se encaixam na mesma classificação daquelas pessoas amostradas, só que versão espinhas.. rsrs.



    E como se não bastasse todo esse enredo, sempre tem aquele nosso amigo que diz: "Tu já viu isso? Tem um buraco na tua testa.", dá vontade de matar, ou de simplesmente se esconder (eu sei, sou dramática haha).



    O pior de tudo é a parte que nós tentamos esconder, correto? Correto. Porque com esse tipo de espinha (mandada do além) as coisas ficam mais complicadas, né? (Se não, por favor, me passem os seus segredos rsrs). 



    Primeiro, você tenta esconder com maquiagem, base, pó, corretivo... mas se ela for muito grande..ixi.. a cor até se neutraliza, mas todo mundo vê que ali habita um objeto não identificado (kkk). Então, você parte para a fase da eliminação daquilo, e pá, tudo fica vermelho, ou machucado, e mesmo com os produtos...aparecem as marquinhas (vocês sabem, aquelas que parecem estar descascando algo) , e txarannn a espinha ganhou de você haha. Placar: Espinha 1/0 Você.



    E então, a música se  torna: "Eu, você e o zubumafu vamos juntos descobrir uma meneira para a espinha contornar..", rsrs). Obrigada pela paciência, haha <3. Um beijãooooo!
                                                                                                      Por: Letícia Cardoso